segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

RUMO AOS QUARENTA! (MAS ISSO FOI EM 2014)

Então.

Em 2014, como é público e notório para amigos e familiares, eu fiz 40 anos. A chegada às quatro décadas foi bastante complexa, tumultuada, cheia de questionamentos e alguns deles duram até hoje, dois anos depois. De qualquer jeito, arrumei tempo para brincar um pouco com os quarenta e fiz uma série de listas de quarenta itens relacionadas ao rock e à cultura pop, que foram publicadas no meu blog.

Algumas delas ficaram bem legais e foram boas sacações. Outras não. E, vamos lá, não deu tempo de fazer o trabalho como eu queria. A começar porque originalmente seriam quarenta listas de quarenta itens. Entre 2013 e 2014 precisei trabalhar bastante, fiz diversos freelas, cuidei de um programa de rádio (o ACORDE, que eu dividia originalmente com Leandro Souto Maior), tive várias outras atribulações e meu blog é feito quando dá tempo. Ou seja: nunca, e preciso deixar de fazer coisas para escrever nele. Até hoje é assim. Enfim, rolou como deu.

Algumas listas que fiz eram para ter iniciado séries. Fiz uma sobre quarenta momentos em que a macumba flertou com a música pop. Ia fazer uma outra sobre cristianismo no rock, talvez uma outra sobre satanismo no rock (sei lá). Algumas surgiram por causa de matérias que fiz para o jornal O Dia, onde trabalho. Lá pelas tantas, cismei que boa parte do que eu estava escrevendo estava ficando muito chato, não interessava a ninguém e parei de escrever as listas - crises, elas existem. Quando quis voltar, estava tão ocupado que não deu tempo de fazer muita coisa.


Particularmente me orgulho muito de ter feito a lista de quarenta micos e bizarrices de artistas. Tem coisas ali que eu mal lembrava e algumas que só redescobr ao pesquisar para o texto. Acredito que muita gente vá se interessar bastante pela lista de quarenta fatos sobre o Menudo. Mais: a lista de quarenta clássicos pop da música infantil foi uma das melhores coisas que já saíram publicadas no meu blog, e um dos melhores textos que escrevi naquela época. Foi muito legal relembrar todas as músicas e escrever sobre elas, e diria que esse tipo de redescoberta faz parte do jornalismo musical no qual eu acredito hoje em dia. Muito mais do que ficar descobrindo as novas bandas de não sei onde.

Enfim, pus todas as listas aí embaixo, mesmo as que hoje eu considero que ficaram um tanto quanto ruins ou simplesmente vergonhosas. Confira aí.


- quarenta discos de 1974 parte um dois
- quarenta micromúsicas
- quarenta momentos em que a macumba virou pop
- quarenta músicas que você tem que ouvir parte um e dois
- quarenta melhores momentos de Hermes & Renato
- quarenta fatos sobre o Abba
- quarenta discos de 1984 parte um dois
- quarenta fatos sobre o Menudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário